Buscar

Complexo de Jonas

Leia o livro de Jonas


A igreja é o povo de Deus. Povo chamado para andar em santidade de vida e a proclamar ao “que nos tirou das trevas para a sua maravilhosa luz” (1 Pe 2.9). Contudo, nós não queremos assumir um compromisso total com o Senhor. Desejamos e queremos ser o seu povo, mas viver dentro dos padrões exigidos pelo Soberano e trabalhar para Ele é algo bem diferente.

A nossa atitude não é diferente da de Jonas. Temos consciência de nossa chamada. Sabemos que precisamos anunciar o juízo do Senhor; mas em relação ao juízo de sua graça salvadora, fugimos quando temos a responsabilidade de falar aos diferentes.

Ir ao encontro do diferente á mais complicado, e por isso, como Jonas fugimos, abandonamos o nosso chamado. Gostamos e queremos falar para os iguais, para quem é povo (2 Rs 14.25). Falar para os iguais é fácil. Falar para quem já faz parte do povo é simples, pois já conhecem o Senhor e podemos falar das coisas boas, podemos e devemos exortá-los, mas eles já são povo. Falar aos diferentes é complicado, nós não gostamos, buscamos caminhos psicológicos para fugir para nossa Társis.


Nós somos o povo de Deus. A Igreja do Senhor Jesus. Fomos chamados para proclamar a chegada do Reino de Deus. Portanto, rompamos com o preconceito, abandonemos os nossos casulos e, principalmente, não falemos aos nossos iguais, mas ouçamos a voz do Senhor que nos diz: “Levanta-te e clama” (Jn 1.1), obedientemente levantemo-nos e clamemos para que o Senhor seja engrandecido.


Que tal deixar de lado o complexo de Jonas?


Ouse levantar com ousadia e dizendo ao Senhor: “Eis-me aqui Senhor, eu vou em obediência à tua Palavra para onde tu me mandares.”


#obediência #responsabilidade

94 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo