Buscar

Que fazes aqui?



Elias entrou numa caverna e ali passou a noite. E eis que veio a palavra do Senhor, dizendo: "Que fazes aqui, Elias? Respondeu ele: Tenho sido muito zeloso pelo Senhor Deus dos exércitos; porque os filhos de Israel deixaram o teu pacto, derrubaram os teus altares, e mataram os teus profetas à espada; e eu, somente eu, fiquei, e buscam a minha vida para ma tirarem. Ao que Deus lhe disse: Vem cá fora, e põe-te no monte perante o Senhor: E eis que o Senhor passou; e um grande e forte vento fendia os montes e despedaçava as penhas diante do Senhor, porém o Senhor não estava no vento; e depois do vento um terremoto, porém o Senhor não estava no terremoto; e depois do terremoto um fogo, porém o Senhor não estava no fogo; e ainda depois do fogo uma voz mansa e delicada. E ao ouvi-la, Elias cobriu o rosto com a capa e, saindo, pôs-se à entrada da caverna. E eis que lhe veio uma voz, que dizia: Que fazes aqui, Elias? Respondeu ele: Tenho sido muito zeloso pelo Senhor Deus dos exércitos; porque os filhos de Israel deixaram o teu pacto, derrubaram os teus altares, e mataram os teus profetas à espada; e eu, somente eu, fiquei, e buscam a minha vida para ma tirarem. Então o Senhor lhe disse: Vai, volta pelo teu caminho para o deserto de Damasco; quando lá chegares, ungirás a Hazael para ser rei sobre a Síria." (1 Reis 19. 9-15).

O texto mostra um homem deprimido e com medo. Um fugitivo que vai se esconder numa caverna. Fala de alguém que depois de ter um enorme sucesso, teme por sua vida. Mostra um homem que está em depressão. Solitário, sem vontade de continuar sua caminhada e lutar para mudar as coisas. Será que não nos sentimos assim também?

É interessante notar a consciência que Elias tem dos fatos. Ele reconhece que o povo matou os profetas. Sabe que ser alguém com uma palavra relevante é algo que desagrada a maioria e diz que está sozinho. Elias reconhece que estão tentando destruí-lo. Será que não nos sentimos assim em nossa vida?

Quantas vezes pensamos estar sozinhos na luta por padrões elevados? Quantas vezes somos perseguidos por não cedermos às pressões que nos são feitas no trabalho para que venhamos a mentir e compactuar com a exploração de outros?

Quando isso acontece conosco, é comum fugirmos, nos isolarmos e entrarmos numa caverna porque temos medo. Medo de encarar os problemas. Medo de enfrentar as pessoas. Medo da perseguição. Sendo assim, nós fugimos, pois não queremos enfrentar as retaliações. Apesar de todo o zelo que demonstramos, somos perseguidos. Contudo existe uma palavra de esperança. É o momento de voltar e enfrentar a realidade. É hora de voltar e continuar a revolução que foi iniciada. Não estamos sós. Deus está connosco. Também descobriremos que há pessoas que não se dobram, não se curvam diante dos disparates e das injustiças que são praticadas contra o nosso semelhante.

Não fuja. Não vá esconder-se na caverna. Volte para o seu lugar. Suba a montanha e enfrente a realidade, pois há pessoas que são fiéis como você.

Que você faz aqui, escondido? Aqui não é o seu lugar. Volte e mostre o seu valor. Mostre que você é alguém dirigido pelos padrões de Deus e pela vontade de Deus.

#conselho #vida #coragem #Deus #vontade

60 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo