Buscar

Uma Pessoa do Povo



A Bíblia afirma que o homem deve ser pronto para ouvir, tardio para falar e tardio para se irar (Tg 1.19-20). Algumas declarações feitas sem meditação mostram como temos uma visão muitas vezes errada do povo.


Certo religioso na Itália, que teve vida a vasculhada pela polícia declarou: "Finalmente eu me sinto como uma pessoa do povo". Para ele, ser uma pessoa do povo é ser um contraventor da lei. É enganar e extorquir o seu semelhante. Somos pecadores (Rm 3.23), mas não temos prazer nisto. O cristão autêntico não tem prazer no pecado e não vive pecando (1Jo 3.6).

Aquele que nasceu de novo peca. Quando peca, fica triste, não afirma como este religioso: "Estou sentindo um estranho tipo de prazer". O pecado não dá prazer, mas tristeza.

No salmo 51 Davi confessa o seu pecado e pede para que Deus o purifique e volte a dar-lhe a alegria da salvação. O pecado não dá prazer, gera tristeza, mas se arrependermo-nos e confessarmos os nossos pecados ao Senhor, Ele nos perdoará porque é fiel e justo para nos purificar de toda injustiça (1 Jo1.9).


Eu sou uma pessoa do povo e vivo juntamente com o povo, mas não sinto prazer no pecado e não sinto prazer nos meus erros. Eles entristecem-me. Sou uma pessoa do povo como você. Somos o povo de Deus (1Pe 2.9) e sendo assim, devemos ter prazer na lei do Senhor (Rm 7.22), e cantar como Maria: "Minha alma engrandece ao Senhor, e o meu espírito se alegra em Deus meu Salvador" (Lc 1.46,47). Somos pessoas do povo, mas do povo de Deus.


Glorifiquemos a Deus em nossas vidas.


#alegria #povodeDeus

44 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo